(85) 3182-1645

MASTOPEXIA

Avaliação

O exame atento do formato das mamas permite avaliar os diferentes fatores que irão determinar a escolha da técnica ou procedimento cirúrgico mais adequado. Entre eles pode-se citar a quantidade de tecido glandular e tecido adiposo; número de gestações; presença de assimetria; peso, altura e estrutura corporal do paciente; volume da musculatura peitoral; preferência da paciente; herança genética; proporção entre mamas e demais estruturas do corpo; grupo étnico e quantidade de pele, entre outros.

LEVANTAMENTO OU REPOSICIONAMENTO DAS MAMAS

Este procedimento cirúrgico consiste em reduzir ou corrigir queda das mamas, causada pela flacidez da pele. É utilizada retirando-se o excesso e pele e fazendo a reposição do tecido mamário,”montando”a mama,utilizando o próprio tecido como se fosse uma prótese. Claro que não se consegue aumentar as mamas apenas com essa técnica. Quando a paciente não possui tecido suficiente para corrigir a queda das mamas, ou pretende aumentar as mamas,é necessário a utilização de prótese de silicone para a realização da cirurgia.

A mastopexia devolve às mamas a forma e a firmeza apresentadas anteriormente.

MAMAS DE BOM TAMANHO, MAS CAÍDAS E FLÁCIDAS, O QUE FAZER?

Neste caso, está indicada uma mastopexia, que é a cirurgia realizada nas mamas com a intenção de corrigir sua flacidez e queda, sem alterar o tamanho. Geralmente esta condição ocorre após emagrecimento importante ou gestação. A forma da mama é melhorada e a aréola reposicionada.

A PARTIR DE QUE IDADE ESTÁ INDICADA?

Não há idade definida e a indicação dependerá, além das características das mamas, do amadurecimento emocional da paciente.

HÁ CICATRIZES?

Sempre existirão cicatrizes. Sua localização dependerá do tipo de mama e poderá estar restrita somente ao redor da aréola, em forma de “L” ou em forma de “T” invertido. A qualidade final das cicatrizes dependerá, fundamentalmente, das características pessoais de cada paciente e só pode ser considerada definitiva após período não menor do que um ano. De um modo geral, se tornam pouco perceptíveis com o passar do tempo.

QUAL TIPO DE ANESTESIA É UTILIZADO?

Peridural ou anestesia geral.

É NECESSÁRIA A INTERNAÇÃO?

Sim, pelo período de 12-24 horas.

COMO É O PÓS-OPERATÓRIO?

O pós-operatório é tranqüilo e não costuma haver dor. Não há grandes curativos e a paciente sai do hospital com sutiã pós-cirúrgico. Aproximadamente em 15 dias, os pontos são retirados e a paciente já pode retomar suas atividades. Exercícios físicos leves são permitidos em trinta dias.

É POSSÍVEL AMAMENTAR APÓS A CIRURGIA? E A SENSIBILIDADE?

A capacidade de amamentar é mantida e a sensibilidade das mamas é preservada após a mastopexia.

OS RESULTADOS DURAM PARA SEMPRE?

Vários são os fatores que irão determinar a duração do resultado (gravidade, peso das mamas, variação do peso da paciente, gestação, qualidade de pele, efeitos hormonais…). Assim, algumas vezes poderão ser necessários retoques ou novas cirurgias dentro de alguns anos.

QUANDO PODEREI ME EXPOR AO SOL E FAZER GINÁSTICA?

Desde que se protejam as cicatrizes das mamas com biquíni ou esparadrapo de papel, não há inconveniente em tomar sol a partir de 1 mês.

TEM ALGUMA DÚVIDA SOBRE ESSES PROCEDIMENTOS?

Entre em contato. Responderemos em até 10 minutos.

TEM ALGUMA DÚVIDA SOBRE ESSES PROCEDIMENTOS?

Entre em contato. Responderemos em até 10 minutos.

Dr. Alfredo Lima

"Na primeira consulta eu já sabia que queria ele como meu cirurgião plástico." Não trago esse depoimento aqui por acaso, muito prazer, sou Dr. Alfredo Lima, Cirurgião Plástico,  especialista em transformar o seu sonho em realidade por meio de procedimentos como prótese de mama com recuperação 24 horas, Mastopexia com alça de sustentação (sutiã interno) e ShortScar, uma técnica que reduz as cicatrizes em mastopexias ou mamoplastias redutoras.

Meu objetivo, desde a primeira consulta, é garantir que você terá o melhor resultado com a técnica mais moderna e apropriada para o seu objetivo.

Especialista pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) e pela Associação Médica Brasileira (AMB), o foco sempre foi em cirurgia moderna das mamas, traçando e garantindo o melhor caminho para a realização do seu sonho.

Aprendi e desenvolvo minha forma de entregar resultados após ter experiência profissional no Dallas Plastic Surgery Institute,  Texas, e na renomada Beverly Hills, California.

2021 © Dr. Alfredo Lima | Cirurgia Plástica • Todos os direitos reservados.